Reportagens Diocesanas
publicado em: 09/12/2015
Ano da Misericórdia

Caríssimos irmãos e irmãs em Cristo, chegamos ao final de mais um ano. Nossa gratidão a Deus, nosso Senhor, por mais um tempo vivido na sua graça e na fé.

O ano de 2016 terá algo de especial para ajudar a aprofundar nossa fé neste Deus vivo e Misericordioso. O Papa Francisco vai declarar aberto o Ano da Misericórdia, no próximo dia 8 de dezembro, Solenidade da Imaculada Conceição e marco dos cinquenta anos da conclusão do Concílio Vaticano II. Fala-nos o Papa Francisco: “A Igreja sente a necessidade de manter vivo este evento [Concílio Vaticano II]. Para ela, iniciava um novo período de sua história. Foram derrubadas as muralhas que, por muito tempo, haviam isolado a Igreja em uma cidadela privilegiada. Havia chegado o tempo de anunciar o Evangelho de um modo novo”.
Com a Bula de Proclamação do Jubileu Extraordinário da Misericórdia - “Vultus Misericordiae” (O rosto da Misericórdia), o Papa Francisco destaca: “Que devemos despertar nossa consciência, muitas vezes adormecida frente ao drama da pobreza, e para entrar ainda mais no coração do Evangelho, onde os pobres são os privilegiados da Misericórdia Divina”.
O desejo do Papa Francisco é que este ano, vivido também no compartilhamento da Misericórdia de Deus, possa converter-se em uma oportunidade para viver no dia a dia a misericórdia que desde sempre o Pai confia a nós. Ele nunca se cansa de abrir a porta de seu coração para repetir que nos ama e quer compartilhar conosco a sua vida. 
Que este Ano Jubilar da Igreja se converta em eco da Palavra de Deus que ressoa forte e decidida como palavra e gesto de perdão, de suporte de ajuda, de amor. Nunca se canse de oferecer misericórdia e seja sempre paciente em confortar e perdoar. “Lembra-te, Senhor, de tua misericórdia e teu amor, que são eternos”.
Aqui em nossa Catedral, a Missa solene de abertura da Porta Santa será no dia 20 de dezembro às 10h. Todos somos chamados para esse ato que irá simbolizar o início de uma caminhada do Ano da Misericórdia que se encerrará no dia 20/11/2016, na Solenidade Cristo Rei do Universo. 
A Catedral, como Igreja-mãe, será local de peregrinações para o Ano da Misericórdia, juntamente com os Santuários do Sagrado Coração de Jesus e de Nossa Senhora Aparecida, ambos em Bauru.
Que o Deus rico em Misericórdia nos abençoe sempre com seu amor infinito e um Feliz e Santo Natal a todos!

(Artigo do Pe. Marcos Eduardo Pavan - Pároco da Catedral e Ecônomo Diocesano)