Notícias
publicado em: 06/07/2017
Bênção das insígnias episcopais e profissão de fé de Mons. Luiz Ricci

Bênção das insígnias episcopais e profissão de fé de Mons. Luiz Ricci

Báculo, mitra, anel e cruz peitoral do futuro bispo auxiliar de Niterói serão abençoados no próximo domingo.

As comunidades católicas de Bauru e Niterói já se preparam para a ordenação episcopal de Mons. Luiz Ricci, nomeado pelo Papa Francisco bispo auxiliar da Arquidiocese de Niterói, com o primeiro ato que antecede a celebração que o conferirá o grau do episcopado, como sucessor dos Apóstolos.

Na noite do próximo domingo (9), às 19h, na Paróquia de São Cristóvão (Bauru), Dom Caetano Ferrari, bispo de Bauru, presidirá a cerimônia em que serão abençoados a mitra, o anel, o báculo e a cruz peitoral. Além disso, Mons. Luiz Ricci fará, perante a comunidade, a sua profissão solene de fé e fidelidade ao Papa, sucessor do Apóstolo Pedro.

Segundo o Cerimonial dos Bispos, as insígnias episcopais simbolizam o serviço, a jurisdição, a prudência, o amor e a fidelidade do bispo à Igreja e àqueles que lhe foram confiados.

Para os fiéis que não puderem acompanhar o rito, a coordenação geral também transmitirá a cerimônia, ao vivo, pela página do Facebook da Paróquia de São Cristóvão (https://www.facebook.com/saocristovaobauru/).

 

Insígnias Episcopais

Cruz peitoral: Era costume dos primeiros cristãos trazerem consigo algum objeto sagrado que evocasse a lembrança de Nosso Senhor. Em ocorrências de perigo extremo, chegavam a levar consigo no peito a Santíssima Eucaristia. Mais tarde, usou-se a cruz como distintivo dos cristãos. Desde o século XIII, ficou reservada aos bispos.

Anel: O bispo utiliza-se também de um anel, que simboliza sua união existente com a diocese local.

Mitra: (latim: mitra, faixa) - Nas origens a mitra era uma faixa estreita, presa a fronte por meio de cordões. Atualmente, vem a ser uma espécie de capacete de forma elevada, com duas fitas atrás caindo nas costas, vestígios dos cordões que outrora seguravam a mitra na cabeça do bispo. A mitra indica o poder episcopal e o zelo que lhe compete em prol da religião.

Báculo: É um bastão de uso muito remoto. Já o vemos no século IV. O báculo representa o cajado do pastor que assiste a obrigação de dirigir o rebanho e de guardá-lo no aprisco. É uma insígnia de jurisdição e, por isso, o bispo não o pode usar fora da sua diocese.

 

Serviço: A Paróquia São Cristóvão fica na Av. Nossa Senhora de Fátima, 15-80, em Bauru.