Artigos

Ir. Jacinta Turolo Garcia, ASCJ, manda felicitações pelo Jubileu da Diocese

Participando do entusiasmo com que Bauru se prepara para o Jubileu da Diocese, recordo com gratidão, a oportunidade que tive de viver nela, por tantos anos, minha missão de presença e de vida como Apóstola do Sagrado Coração de Jesus. De 1972 a 2005, com alguns intervalos, convivi e aprendi com Bispos que se destacaram por virtude e competência, com sacerdotes, leigos, religiosos, jovens e crianças, famílias. Inserida em diferentes Pastorais, acompanhei a progressiva caminhada de diálogo, interpelação e questionamentos e a valorização dos talentos de todos.Constatei, muitas vezes, a riqueza da partilha de dons e carismas, como por exemplo o PROCOMPAR (Projeto Comunhão e Participação) na década de 90, ao participar com professores de História da USC, das pesquisas e publicação da História da Diocese e do papel das Mulheres na Igreja de Bauru e na feliz criação da Paróquia Universitária e do Santuário do Sagrado Coração de Jesus.

Cada Bispo de Bauru, do primeiro ao atual, foi sempre construtor de unidade, acreditando que a busca do novo é vocação da Igreja e a grande Novidade, a Beleza sempre antiga e sempre Nova é a Alegria do Evangelho, da Palavra de Deus que se faz humano em Jesus, Bom Pastor.

Por tudo isso, a festa e a alegria do Jubileu de Ouro é justificada. Que a memória dos anos passados seja semente de nossos propósitos, que entusiasmem novos discípulos e missionários.

Ir. Jacinta Turolo Garcia, ASCJ