Padroeiros

Nossa Senhora das Graças

Data: 27/11


Em de novembro de 1830, na capela das Irmãs Filhas da Caridade de São Vicente de Paulo, em Paris, a noviça Santa Catarina Labouré, presenciou a aparição de Nossa Senhora das Graças. A Virgem apareceu sobre um globo, esmagando com os pés uma serpente e disse:
"Este globo que vês representa o mundo inteiro e cada pessoa em particular". Neste instante suas mãos se estenderam, derramando sobre o globo, raios de luz: "E estes raios são o símbolo das graças que Maria Santíssima alcança para os homens".
Desapareceu, então, o globo que tinha nas mãos e, como se estas já não pudessem com o peso das graças, inclinaram-se para a terra em atitude amorosa. Formou-se em volta da Santíssima Virgem um quadro oval, no qual em letras de ouro se liam estas palavras que cercavam a mesma Senhora:

Ó MARIA CONCEBIDA SEM PECADO, ROGAI POR NÓS
QUE RECORREMOS A VÓS.

Ouvi, então, uma voz que me dizia:
"Faça cunhar uma medalha por este modelo; todas as pessoas que a trouxerem receberão grandes graças, sobretudo se a trouxerem ao pescoço; as graças serão abundantes, especialmente para aqueles que a usarem com confiança".
Então o quadro se virou, e no verso apareceu a letra "M", monograma de Maria, com uma cruz em cima, tendo um terço na base; por baixo do "M", os dois Corações, de Jesus e de Maria; o de Jesus, com uma coroa de espinhos e o de Maria atravessado por uma espada; contornava o quadro uma coroa de doze estrelas."
A mesma visão se repetiu várias vezes, sobre o sacrário do altar-mor; ali aparecia Nossa Senhora, sempre com as mãos cheias de graças, estendidas para a terra, e a invocação já referida a envolvê-la.
assim foi cunhada a medalha que passou a ser conhecida mundialmente pelas graças alcançadas, como a 'Medalha Milagrosa".

A Aprovação Eclesiástica
O Arcebispo de Paris, Dom Quélen, autorizou a cunhagem da medalha e instaurou um inquérito oficial sobre a origem e os efeitos da medalha, a que a piedade do povo deu o nome de "Medalha Milagrosa", ou "Medalha de Nossa Senhora das Graças". A conclusão do inquérito foi a seguinte:
"A rápida propagação, o grande número de medalhas cunhadas e distribuídas, os admiráveis benefícios e graças singulares obtidos, parecem sinais do céu que confirmam a realidade das aparições, a verdade das narrativas da vidente e a difusão da Medalha".



Voltar