Notícias
publicado em: 13/07/2019
Orientações para publicações nas mídias virtuais sob responsabilidade da PASCOM - DIOCESE DE BAURU

A Pastoral da Comunicação da Diocese de Bauru apresenta as ORIENTAÇÕES PARA AS MÍDIAS VIRTUAIS DE RESPONSABILIDADE DA PASCOM - DIOCESE DE BAURU.


1. O envio de notícias, reportagens e comunicados para o site (Bispado Bauru) será feito por arquivo (.doc ou .docx), para o e-mail: pascom@bispadobauru.org.br. Serão solicitados informações adicionais se necessários e correções técnicas antes de suas publicações. (Lembramos que há limites para as publicações devido aos problemas operacionais do site.) Para as redes sociais as informações podem ser encaminhadas diretamente a caixa de entrada, ou para os editores das respectivas páginas.   

 
2. Envio de imagens promocionais de encontros, palestras, festas e afins para Página do FACEBOOK e outras redes sociais devem estar no formato recomendado pelas respectivas plataformas (leia em ajuda). Para o site “Bispado Bauru”, somente no formato JPG na proporção 1:1, preterivelmente em 1000 pixels X 1000 pixels. Segue o mesmo processo do item 1.


3. Vídeos promocionais devem ser publicados respeitando as configurações da plataforma, direitos autorais e no máximo de 1 minuto de duração - considerando o engajamento do público analisado. No site “Bispado Bauru” não é possível ser publicado nenhum vídeo devido ao seu sistema operacional antigo.    


4. A atualização das redes sociais ocorre por meio dos editores - leigos e leigas ligadas a PASCOM e membros do clero - que podem publicar as informações mais rapidamente. O site “Bispado Bauru” é atualizado ordinariamente aos sábados, e extraordinariamente somente com notícias urgentes. Por ser um sistema mais complexo, há poucos agentes responsáveis por sua atualização, e todos são voluntários e que disponhem de pouco tempo para estas atividades. Por isso, observem bem os prazos de publicação.  


5. Até a presente dada, os acessos ao site “Bispado Bauru” estão em baixa (segundo google Trends - 120 acessos mensais), enquanto que as redes sociais o alcance chega a 10.000 contas mensais). Por isso, que estamos agilizando as publicações nas plataformas com maiores visibilidades. 


6. O uso das Hastags ou Tags #diocesebauru e #pascombauru facilitam a localização das informações publicadas em quaisquer sites, plataformas e redes sociais de nossos agentes. Por isso, é fundamental que em todas as publicações se acrescentem estes marcadores. 

7. Por fim, lembramos que todas as publicações deverão se pautar pelas orientações legais tanto da Igreja como de códigos civis, especialmente o Marco Civil da Internet, direitos autorais, propriedade intelectual e em consonância com o ensinamento e orientação da Igreja.  (cf. Cân. 831).